Umidade é Vital

Todos os dias, em todo o mundo, milhares de pequenas crianças recém-nascidas recebem suporte respiratório vital. O fornecimento de umidade é crucial para esse moderno milagre.

As vias aéreas imaturas são frágeis e dependem de um delicado equilíbrio entre temperatura e umidade. Elas só alcançam a maturidade aos dois anos. As intervenções respiratórias sem umidade causam impedimento do desenvolvimento infantil e aumento do risco de intervenções médicas.

As soluções de terapia umidificada ajudam a mimetizar o equilíbrio natural que ocorre em pulmões infantis maduros. Por sua vez, esse processo garante que a preciosa energia da criança seja utilizada da maneira que a natureza pretendia: para o crescimento e desenvolvimento.

3 principais benefícios da umidificação

Benefícios
Auxiliar os mecanismos de defesa natural das vias aéreas
Aumentar o conforto do paciente e a tolerância ao tratamento
Promover a eficiência da troca gasosa e ventilação

As vias aéreas normais da criança

O sistema respiratório de uma criança é um mecanismo frágil e dependente de umidade. A umidade auxilia duas importantes funções pulmonares: defesa das vias aéreas e troca gasosa.

Defesa das vias aéreas

Mecanismo de defesa primário: Reflexos como espirro, tosse e engasgo são auxiliados pela filtragem natural dos pêlos nasais. Nas vias aéreas de uma criança, esses mecanismos são subdesenvolvidos.

Transporte mucociliar – a segunda linha de defesa: O papel do sistema de transporte mucociliar é aprisionar e neutralizar os contaminantes inalados (no muco) e transportá-los para cima e para fora das vias aéreas. Esse mecanismo mantém os pulmões livres de patógenos causadores de infecções. A eficiência desse mecanismo é altamente dependente da idade da criança e da temperatura e umidade dos gases inspirados.

Consulte o sistema de transporte mucociliar para obter mais informações.

 

Troca gasosa

Para que haja troca gasosa, é necessário fluxo de ar para os alvéolos. A adição natural de calor e umidade durante a passagem de ar pelas vias aéreas na inspiração ajuda a manter as vias aéreas limpas e patentes.

Esse mecanismo ocorre devido à otimização da depuração mucociliar. Esse processo melhora a complacência pulmonar e reduz a broncoconstrição associada ao resfriamento das vias aéreas.

As vias aéreas de uma criança produzem proporcionalmente mais muco do que em outras fases da vida, mas não têm a mesma capacidade de realizar a higiene brônquica. Esse processo pode influenciar a manutenção da patência das vias aéreas e inibir a troca gasosa.

Quando o equilíbrio natural está comprometido

Quando uma criança precisa de suporte respiratório, o equilíbrio natural das vias aéreas pode estar comprometido. As intervenções respiratórias sem umidificação impedem o desenvolvimento da criança e aumentam significativamente os riscos associados.